Combinação de Sabores para Saúde de acordo com a Medicina Chinesa

O papel da combinação de sabores é extremamente importante em Medicina Chinesa, tal como é comer de acordo com a estação do ano, pois cada estação submete o organismos a diferentes desafios.

De forma breve: existem 5 órgãos principais e existem 5 sabores associados a cada órgão:

Coração – amargo

Fígado – azedo

Baço – doce

Pulmões – picante

Rins – salgado

Estes sabores ajudam o funcionamento do organismo e devem ser harmonizados de tal forma que criem equilíbrio e, consequentemente, saúde! Tal significa que a refeição saudável ideal tem uma boa harmonização entre estes 5 sabores, tornando-a satisfatória e nutritiva, conceito que o Mestre Mantak Chia explora detalhadamente no brilhante Nutrição Cósmica!

Cada sabor tem a sua própria função:

O azedo acalma o organismo.

O amargo limpa o calor.

O doce pode tonificar o organismo.

O picante expulsa o vento e o frio.

O salgado ajuda a disolver a estagnação.

 

O sabor vai primeiro para o órgão correspondente e a nutrição tem um papel fundamental no equilíbrio de cada órgão. Quando um órgão está em desequilíbrio, o corpo pode informar qual dos órgãos necessita de atenção através de desejo de comer um sabor em particular.

Amargo

Uma vez que o sabor amargo acalma o calor, tal é especialmente útil para o coração (órgão associado ao elemento do fogo). Úlceras na boca, faces ruborizadas, emoções ao rubro, palpitações cardíacas, insónia, ansiedade, urina escura ou amarela podem ser sintomas de excesso de calor. Incluir o sabor amargo nas refeições pode ser útil para equilibrar o organismo. Alguns dos alimentos mais saudáveis da família do sabor amargo são os vegetais crucíferos, como brócolos, couve de bruxelas ou couve galega.

Azedo

Todos os órgãos têm um papel elevado na digestão das emoções, mas o compasso emocional é particularmente duro para com o fígado. Uma pessoa com desequilíbrio de fígado pode se irritar ou ficar irada facilmente, o que se pode traduzir por dores de cabeça, tonturas, pressão arterial alta, rosto e olhos vermelhos, insónia, obstipação e inchaço. Em tais situações, a pessoa pode harmonizar as refeições com um pouco do sabor azedo, porque isso acalma o organismo. Sabores azedos incluem: tomate, laranja, kiwi, pitaia ou lima.

Doce

O baço é o órgão que domina a digestão, incluindo a transformação, o transporte e a absorção de nutrientes. Falta de energia, inchaço abdominal ou de estômago, azia, movimento intestinais irregulares, ganho de peso, pernas e braços inchados, insónia ou tiróide hipo-activa podem ser sinais de desequilíbrio de baço. Isto pode levar a ter desejos de sabores doces, uma vez que o doce contribui para tonificar o Qi do baço (não confundir com desejos de açúcar refinado causado devido à viciação que o açúcar refinado cria).

Uma das razões pelas quais nós damos doces às crianças é porque elas ainda estão a desenvolver o baço e comer determinadas quantidades de sabores doces naturais pode ajudar o desenvolvimento e crescimento das crianças (nota: quantidades moderadas de comidas nutritivas naturalmente doces, como por exemplo, alguns frutos (abacaxi, morango, pêra, pêssego) e grãos naturais (milho, trigo, centeio).

Salgado

Os rins são um dos órgãos mais importantes para a Medicina Tradicional Chinesa, pois é neles que a a essência é armazenada. Falta de energia, dores na lombar, joelhos, tornozelos, calcanhares, pernas cansadas, falta de memória, urinação frequente (especialmente durante a noite), cabelo branco prematuro, menopausa, impotência, crianças com retardamento em andar ou falar poderão indicar rins fracos. Isto pode ser contrabalançado com a ingestão equilibrada de sabores naturalmente salgados, como por exemplo: feijão preto, nozes, castanhas ou bagas de goji.

O sal é essencial para a vida e, por vezes é aconselhado tomar algumas fórmulas herbais de Medicina Chinesa com água salgada para os seus efeitos atingirem primeiro os rins.

Picante

Os pulmões são a primeira defesa do organismo, uma vez que respirar é essencial para a nossa sobrevivência e os pulmões lutam contra os factores patogénicos externos quando invadem o corpo. Espirrar, corrimento nasal, nariz entupido, tosse, dor de cabeça, dores no corpo, não transpirar, sentir frio ou ter a garganta dorida são sinais de desequilíbrio de pulmão.

Os sabores picantes atingem primeiro o pulmão, expulsando os fatores patogénicos de vento e frio do corpo, especialmente durante as estações frias. É por esse motivo que gengibre, cebola, alho ou pimenta são tão eficazes para fortalecer o sistema imunitário e evitar gripes e constipações.

 

É importante não exagerar com o sabor, pois poderá ter o efeito contrário e criar um desequilíbrio no organismo. Como em tudo, o equilíbrio é a chave! Cada sabor pode ajudar o respectivo órgão e contribuir para a saúde e vitalidade gerais quando devidamente combinado e harmonizado com os outros sabores numa refeição rica e nutritiva!

 

Se quiser apoiar o trabalho do Skin at Heart, espreite Donorbox ou Patreon. Descubra mais detalhes e vantagens de se tornar Patron do Skin at Heart aqui!

 

Deixar uma resposta