O que aprendi com Gregg Braden

Há cerca de dois meses, eu vi este vídeo  de um seminário do Gregg Braden. Isto lançou-me numa viagem, porque através do Gregg Braden, eu viria a descobrir o Bruce Lipton, cujo trabalho também referir aqui no Skin at Heart brevemente e, através do trabalho de Lipton eu iria descobrir mais e mais sobre Psicologia Energética através de vídeos, livros, técnicas e pessoas que também irei mencionar em posts futuros.

 

A informação que o Gregg Braden partilha é brilhante, uma vez que é um sumário de física quântica e como esta se aplica ao ser humano. O trabalho de Braden também está intimamente relacionado com Dr. Joe Dispenza ou Louise Hay. Na verdade, foi através da Hay House Heal Summit que eu descobri o Gregg Braden.

Alguns dos pontos principais que Gregg explica durante o seminário são:

 

1 – A crença é o casamento entre o pensamento e a emoção.

O pensamento está maioritariamente ligado aos chakras superiores ou centros energéticos superiores, onde imaginamos as possibilidades quânticas.

A emoção está maioritariamente ligada aos chakras inferiores ou centros energéticos inferiores, onde sentimos as emoções.

As duas emoções mais básicas são amor e medo!

Quando pensamos um pensamento na nossa mente, nós alimentamos esse pensamento e ao fazer isso geramos um sentimento! O sentimento é a união, de acordo com as próprias palavras de Braden “o casamento entre a emoção e o pensamento”!

O sentimento acontece no coração, o chakra do centro. O coração é a combinação dos chakras superiores e inferiores.

 

2 – “Se queremos mudar um átomo, temos de mudar a energia em que o átomo vive!”

temos de mudar a energia em que o átomo vive!”

Conforme Einstein explicou “O campo é o agente governante da partícula”!

E adivinhem que órgão do nosso corpo produz o campo magnético mais forte?

O coração!

“A realidade existe apenas onde a mente cria a atenção.”

As ondas magnéticas do coração estendem-se a quilómetros e quilómetros de distância do mesmo.

Existe poder dentro do corpo humano que afecta o mundo para lá do corpo!

 

3 – Princípio Holográfico: a maneira como a natureza cria mudança muito rapidamente.

Nós somos holográficos. Nós somos um padrão deste mundo no universo. Quando nós escolhemos paz, a paz acontece! Quando nós escolhemos alegria, a alegria acontece! Quando nós escolhemos amor, o amor acontece! Com a linguagem do coração! Quando nós escolhemos compaixão, a compaixão acontece! É a linguagem do coração!

Tudo está a acontecer em todo o lado ao mesmo tempo! O que está a acontecer aqui também está a acontecer acolá! O que está aqui, já está ali também!

Como criar emoção coerente nos nossos corações para curar o nosso corpo e mudar o nosso mundo?

Através da criação de emoções de frequência elevada como compaixão, amor, alegria, gratidão e paz, através de rezar ou da prática de meditação!

 

Então os 3 princípios principais são:

1 – Toda a matéria está interligada

2 – Existe uma campo de energia no lugar daquilo que estamos habituados a pensar como espaço vazio (pode-se chamar matriz divina, campo, mente de Deus, holograma quântico, entre outros nomes)

3 – Quando criamos o sentimento certo dentro do nosso corpo, dentro dos nossos corações, fazemos mudanças para lá do nosso corpo, no campo quântico.

 

Qual é a força que mantém tudo unido no universo?

COMPAIXÃO!

É a força que liga o universo e o sentimento que sentimos no nosso coração!

O coração não julga, o coração não tem ego. O coração não tem apego. O coração é pura compaixão.

Compaixão é a capacidade de ver o mundo pelo que o mundo é, em vez de o ver através dos nossos julgamentos do que fazemos do mundo! É a força que liga e o sentimento que se experiencia! É isso que torna a compaixão tão poderosa!

 

Graças à Louise Hay eu descobri o Joe Dispenza e o Gregg Braden e graças a ambos, eu descobri o Bruce Lipton, cujo trabalho vou partilhar no próximo post!

 

Se deseja apoiar o trabalho deste blog, partilhe este post nas suas redes sociais e visite a Página do Patreon do Skin at Heart!

Deixar uma resposta