Entrevista com a Personal Stylist Deborah Ferrari

Deborah Ferrari é uma Personal Stylist linda, inspiradora e bem-sucedida que fundou a Deborah Ferrari Style Consulting, e a quem tenho a honra de chamar de minha amiga. A Deborah é um charme e deslumbra sempre com os seus looks estilosos. Visto que tenho imensas saudades das nossas longas conversas sobre uma variedade imensa de temas que poderiam ir de moda ao sentido da vida, é um prazer trazer essa entrevista sobre o trabalho de Deborah e porquê que a maneira como escolhemos vestir-nos representa a nossa própria afirmação e pode ter um papel importante em elevar-nos e trazer-nos a confiança que necessitamos em dias cinzentos.

 

1 – Desde quando é que esse seu amor pela moda nasceu?

Desde criança eu sempre gostei de moda, de dar opinião nos looks da minha mãe, de combinar cores… Olhar vitrines era nosso programa de mãe e filha favorito. Mais tarde sempre fui elogiada por amigas e colegas de trabalho pelo meu estilo, e muitos me pediam sugestões de roupas e acessórios, o que sempre fiz com o maior prazer, mas só há mais ou menos dois anos que soube que poderia transformar a paixão em profissão.

 

2 – Como é que a consultoria Deborah Ferrari Style surgiu?

Foi graças a duas amigas minhas. Primeiro uma amiga me perguntou há alguns anos se eu sabia o que era personal shopping, porque ela contratou esse serviço em Londres e adorou, e disse que podia me imaginar prestando aquele serviço. Aquilo ficou na minha cabeça,e  lembro que até pesquisei sobre isso, se existiam personal shoppers onde moro, etc, mas acabei não tomando nenhuma atitude a esse respeito. Foi vários meses depois, quando estava comentando com uma outra amiga sobre aquela conversa, que eu recebi a missão: ela adorou a ideia do personal shopping e me pediu pra ser minha primeira cliente. Eu organizei o guarda-roupa dela, fiz uma lista de peças que estavam faltando e fui às compras. Deu tão certo que os colegas dela começaram a comentar e elogiar a mudança, e consegui novas clientes através dela. Isso me deu motivação e comecei a investir em divulgação, na criação do site e o meu networking começou a crescer daí.

 

3 – Quais são os serviços e produtos que a Deborah Ferrari Style Consulting oferece?

Os serviços são personalizáveis e vão desde uma compra de um único look para um evento especial até o pacote completo, que vai desde a organização do guarda-roupas até às compras. O que há em comum entre todos eles é que eu faço uma análise de tipo de corpo e colorimetria (análise de cores) e também gosto de conversar e entender o perfil daquela cliente, o estilo de vida, os desafios e como eu vou fazer para ajudá-la a sentir-se mais confortável, mais bonita, mais elegante e mais confiante depois daquele serviço.

 

4 – Qual é o impacto que a maneira como nos apresentamos ao mundo tem no nosso humor e auto-estima?

O impacto é enorme e muitas vezes subestimado. Há estudos que demonstram que uma simples mudança na rotina como arrumar nossa cama de manhã ou ainda a postura que escolhemos numa reunião importante podem triplicar a chance de termos sucesso em uma determinada tarefa. Imagine então o poder que há naquilo que usamos diariamente! A maneira como nos vestimos é uma forma poderosa de expressão e também de influenciar tanto o que nós pensamos de nós mesmos, como na forma como os outros ao nosso redor nos percebem e nos respondem. Mas o maior impacto, na minha opinião, é exatamente naquilo que sentimos; quando eu me sinto confortável, bonita e confiante no que estou vestindo, sinto que posso enfrentar qualquer coisa.

 

 

6 – Quais são as suas dicas para se estar sempre em estilo? Como conseguir construir um estilo mesmo nos dias mais difíceis em que acordamos mais cansadas ou desmotivadas? Quais são os pormenores que fazem a diferença?

Estilo é único, é a sua identidade, portanto primeiramente é importante se conhecer, se olhar no espelho com diferentes cores e formas, ouvir a intuição do que lhe favorece mais, o que lhe faz sentir-se bonita. Então aposte naquelas peças que te fazem sorrir. Se precisar de inspiração sugiro fazer uso das redes sociais, como Instagram e Pinterest, e para facilitar a vida também recomendo deixar preparado nos finais de semana a maioria dos looks a serem usados durante a semana, porque economiza o stress de criar um look todo dia de manhã. Para os dias em que nada disso ajuda, lance mão de um dos clássicos que nunca falham: little black dress, jeans e camisa branca, um blazer estruturado de cor sólida, trench coat e um acessório para deixar o visual menos óbvio.

 

7 – Que últimas palavras gostaria de partilhar com o Skin at Heart?

Eu vejo a moda como uma poderosa ferramenta para nos ajudar a sermos mais nós mesmos, e também um meio de expressarmos nossa criatividade, nossas raízes, nosso senso de humor. Assim como cuidamos da nossa dieta, da nossa pele, do nosso corpo, da nossa mente, cuidar da nossa imagem é uma demonstração de amor e afeto por nós mesmos, e observamos o impacto positivo no nosso humor, autoestima e segurança. Eu acredito que todos estamos na busca pela felicidade, e nessa busca deve haver um equilíbrio entre aprendermos e buscarmos sermos melhores a cada dia, mas também sermos gratos e contentes com nossas conquistas e com aquilo que somos, e não duvide de que a forma como você se veste é uma grande auxílio nesse equilíbrio.

 

 

Se deseja apoiar o trabalho de Skin at Heart, visite o nosso Patreon. Obrigada!

Deixar uma resposta