Entrevista com a Maquilhadora Ana Sofia de Miss Cashmere

Como grande fã de maquilhagem e firme em acreditar no seu poder de nos elevar o astral, é um prazer trazer-vos a entrevista com a maquilhada Ana Sofia de Miss Cashmere. Nós conhecemo-nos na faculdade e a nossa paixão por maquilhagem tem vindo a crescer à medida que avançamos pela vida. A Ana Sofia está a tornar isso numa história de amor, espalhando beleza por onde vai.

 

A maquilhagem tem realmente a capacidade de desenvolver a nossa criatividade e contribuir para a nossa auto-confiança, sendo uma poderosa aliada para qualquer mulher!

Nesta entrevista, a Ana Sofia vai falar-nos um pouco do seu percurso e da maneira como a maquilhagem e a pele estão intrinsecamente ligadas.

 

1 – Podes falar-nos um pouco do teu percurso e de como surgiu a tua paixão pela pele e pela maquilhagem?

Bem… Desde que me conheço, sempre fui muito vaidosa e muito feminina. Lembro-me de ser pequena e ter um caixa cheia de fitas do cabelo de todas as cores e feitios e que combinava com cada roupa que levava para a escola. Portanto o caminho até à maquilhagem foi muito natural. Com o desenvolvimento da Internet e do Youtube, fui descobrindo maquilhadoras que fui seguindo (Camila Coelho no topo da lista! Adoro-a.) e pela altura em que andava na faculdade arrisquei-me a comprar a minha primeira grande paleta de sombras, a Naked 2 (quem conhece vai entender!). 😛 Foi algo revolucionário, não só pelo dinheiro que gastei.. hahahaha, mas porque a partir daí percebi que realmente tinha jeito para a maquilhagem e que podia fazer muito mais do que um simples risco preto na linha de água dos olhos. Acabou por se tornar uma forma de expressar a minha criatividade, algo que sempre senti necessidade de fazer na minha vida, para além do meu dia normal. Daí parti para a criação do meu blog, onde me podem acompanhar (confesso que gostava que fosse com mais regularidade) seja através dos vídeos que faço, das publicações que escrevo ou dos trabalhos que partilho.

Mais recentemente, decidi dar o “big step” e iniciei um curso de maquilhagem profissional na Make Up For Ever que estou a adorar ao mesmo tempo que comecei a espalhar o meu charme mundo fora 😛 e a maquilhar pessoas para os seus eventos, contribuindo, pelo menos assim quero acreditar, para que se sintam um pouquinho mais especiais nestes dias.

 

2 – Quais são as tuas rotinas de cuidados de pele e que cuidados recomendas a todas as pessoas?

A minha regra número 1 é: mais importante que te maquilhares é sempre te desmaquilhares. É tão obrigatório como lavar os dentes à noite! E é algo que por mais cansada que eu esteja, e acredita que já tirei maquilhagem com metade do corpo acordado e outro a dormir, sempre tiro a maquilhagem. É muito importante que a nossa pela esteja limpa durante a noite, que possa regenerar e que descanse dos produtos que usamos durante o dia! Mas essa parte saberás melhor que eu! 😛

Quanto aos cuidados: Usar creme hidratante sempre antes da maquilhagem. Escolher um creme ou base com proteção solar. E depois, para quem quer ir mais a fundo, sendo que para mim já se tornou uma rotina que considero básica, usar um gel de limpeza e um tónico de manhã e à noite para que a limpeza seja sempre mais profunda. Acreditem que vão notar diferença!

 

3 – Em que medida é que aplicar maquilhagem pode afectar o bem-estar de uma pessoa, nomeadamente a nível emocional? O que podes dizer-nos com base na tua experiência pessoal e com as tuas clientes?

Há uma palavra que agora está muito na moda… “empowerment”. Eu acredito que a maquilhagem “tem o poder de nos dar poder”, de nos fazer sentir bem, bonitas, ousadas e corajosas. Aumenta a nossa confiança! Seja por termos coragem de usar aquele batom vermelho, ou aquele olho esfumado mais ousado. É tal e qual como quando usamos “lingerie”. Não sabemos muito bem porquê, mas automaticamente a nossa autoestima dispara! Temos de ser capazes de nos mimar, de nos estimar. Não é deixarmos de ser nós próprias, não é escondermos a nossa beleza natural, é pelo contrário aprender a fazê-la sobressair. Assumir os nosso traços e realçar as nossas diferenças através da maquilhagem. E quando não estamos para aí viradas (quantas vezes já não me aconteceu!), não estamos, e não nos maquilhamos, porque mais uma vez, o objetivo da maquilhagem não é esconder nada, é sermos nós próprias!

Com as pessoas que maquilho procuro sempre o mesmo: que se sentiam bem, felizes e bonitas. É a maior recompensa que posso ter!

 

4 – Que últimas palavras gostarias de partilhar com os leitores do Skin at Heart?

A minha mensagem final passa por aconselhar toda a gente a arriscar! A seguir os seus sonhos sem medo, a explorar aquele hobbie que estava parado há algum tempo, a fazer coisas diferentes e que nos façam sentir felizes. Que nos façam levantar da cama a um sábado de manhã para ir ter aulas (de maquilhagem), como eu estou a fazer, que vos faça pensar e explorar novas possibilidades. Cada vez vejo mais exemplos disso à minha volta, pessoas à procura de ser algo mais do que aquilo que são nas suas vidas profissionais… invistam em vocês! Quem muda Deus ajuda, e daí só poderão sair coisas boas, sejam novos rumos, novas aprendizagens ou novas pessoas. Não podemos esperar chegar ao ponto de chegada, sem antes sair do ponto de partida! Partam à procura, sem medos!

 

O Skin at Heart agradece à Ana Sofia pela inspiradora entrevista sobre o poder da maquilhagem!

 

Se deseja apoiar o trabalho do Skin at Heart, visite a página do Patreon para informação exclusiva.

Deixar uma resposta